quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Piscinas de raia

O conforto e a praticidade de ter uma piscina de raia em casa está atraindo a atenção de muitas pessoas na hora de construir um desses equipamentos na área de lazer. Em cada dez novas construções residenciais, nove delas tem uma piscina de raia. Você sabia? Segundo os especialistas, elas são a mais nova forma de lazer instaladas em residências de alto padrão, mas também estão ganhando espaço nos condomínios residenciais multifamiliares.

               Projeto de Eduardo Chimabucuro: borda de porcelanato antiderrapante; deque de pínus; raia de 2 x 12,5 x 1,40 m e o spa (2 x 2 m) com hidromassagem.

Piscina de raia com spa. Deque em madeira de lei e revestimento em pastilhas na cor verde-turquesa. Projeto de Márcio Kogan.

Elas são perfeitas para quem deseja praticar natação em casa já que suas dimensões são quase olímpicas e fogem das dimensões das piscinas retangulares tradicionais. Elas podem ter desde 12,5m até 25m de comprimento, e largura mínima de 2m, o que demanda um espaço generoso no seu terreno. A profundidade mais indicada fica em torno de 1,30m e 1,50m,  chegando até 1,80m em alguns casos. É importante lembrar também que deve ser feita uma marcação direcional no fundo da piscina para orientar os nadadores.

 A piscina com raia se funde com uma piscina retangular tradiconal, e ao fundo, com o spa. Borda em pedra cimentícia; revestimento em cerâmica 10x10cm.

A marcação direcional é feita no fundo da piscina, geralmente numa cor mais clara do que o revestimento utilizado, e separa as raias. Projeto de Paula Mattar

As opções de revestimentos, bordas e pisos são variadas. Azulejos, cerâmicas ou pastilhas podem ser utilizadas como revestimento, geralmente em tons de azul. Para as bordas e pisos recomenda-se que sejam antiderrapantes e que não aqueçam com o calor do sol (atérmicas). Geralmente são utilizadas pedras naturais ou placas cimentícias, ou então são feitos os deques em madeira de lei, que deixam a piscina ainda mais charmosa e confortável.

Projeto de Luciano Decourt: borda em arenito vermelho; deque em madeira e revestimento em vinil especial na cor azul-marinho. 

 
Piscina de raia com prainha e banheira de hidromassagem anexos em sua lateral: borda em mármore; revestimento em pastilhas e deque em madeira de lei.

Não é recomendado a construção de degraus ou bancos em seu interior com o intuito de não criar barreiras que possam causar acidentes. É preferível deixar a raia totalmente livre, e fazer pequenos anexos e degraus em suas laterais, combinando as prainhas ou as piscinas infantis, para atender às crianças, ou spas e banheiras de hidromassagem para os adultos relaxarem.

Sauna circular e escada ficam anexos ao corpo principal da raia. Aqui, os tons diferentes de azul dos revestimentos chamam atenção para as diferenças de nível da piscina.

Aqui os degraus da escada foram feitos na lateral da piscina com raia de 25m e e 3 m de largura. No entorno, fulget e deque de ipê evitam escorregões. Projeto de Renato Marques.

A iluminação subaquática é uma boa opção para os nados noturnos e para deixar a sua piscina ainda mais bonita. Ela pode ser feita através de lâmpadas de LED. As piscinas cobertas e/ou aquecidas são uma boa opção para as residências localizadas em regiões frias ou serranas. Com a ajuda de um aquecedor ou gerador de calor (caldeira), a temperatura pode variar bastante.

Piscina coberta e aquecida com iluminação subaquática garatem a prática da natação durante a noite. Sauna, raia (1,95 x 12,60 m, com 1,45 m de profundidade) e spa recebem revestimento em pastilhas em tons de verde. Projeto de Marcio Kogan.
Piscina de raia e borda infinita com iluminação subaquática em apenas um dos lados. Projeto Marcio Kogan.

2 comentários: